Campanha Agosto Lilás é lançada na zona rural de Mossoró

Foto: Secom/PMM

Da Secom/PMM

Com o objetivo de intensificar a divulgação da Lei Maria da Penha, a Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Juventude (SMDSJ), lançou nesta segunda-feira, 2, a campanha Agosto Lilás. A ação aconteceu durante o “Cadastro Único em Ação”, na comunidade Maísa.

A campanha também visa sensibilizar e conscientizar a sociedade sobre o fim da violência contra a mulher. Ela também serve para divulgar os serviços especializados da rede de atendimento à mulher em situação de violência e os mecanismos de denúncia existentes.

Representantes do Centro de Referência da Mulher (CRM), da Patrulha Maria da Penha (PMP) e do Centro de Referência da Assistência Social do bairro Redenção (CRAS Redenção) realizaram uma palestra para as mulheres que buscaram atendimento da atualização cadastral.

Kaliane Dantas, que representou o CRM no lançamento, explicou que a campanha terá várias ações durante todo o mês de agosto para abordar a importância do tema e conscientizar as mulheres ao enfrentamento da violência doméstica.

“Hoje aqui estamos lançando o Agosto Lilás em Mossoró. Vamos ter uma agenda durante todo o mês de agosto. Todas as segundas-feiras pretendemos acompanhar o Cadastro Único nos eventos da zona rural. Já às sextas nós vamos fazer a campanha nas Unidades Básicas de Saúde, tanto da zona rural como da urbana. No dia 21 teremos um evento que será com as escolas públicas da rede estadual”.

Coordenadora da Patrulha Maria da Penha em Mossoró, Jamille Silva enfatizou a importância da divulgação do trabalho da patrulha para as mulheres presentes à palestra, como também os canais de denúncia que elas podem acessar para denunciarem o agressor.

“Esse mês comemoramos o Agosto Lilás, que é uma campanha pelo fim da violência doméstica contra a mulher. Falamos aqui da importância do nosso trabalho e dos canais de denúncia para elas se livrarem da violência doméstica. É importante a gente vir aqui à Maísa e falar sobre esse tipo de violência que acontece. Muitas mulheres sofrem essa problemática”, disse.

Coordenadora das ações educativas da PMP, Lilian Cynthia explica como as mulheres devem proceder quando são vítimas da violência doméstica ou presenciam a ação com outra mulher.

“Primeiramente, se for com elas mesmo e estiverem em situação de perigo é necessário buscar urgentemente abrigo, um local seguro, e ligar para os canais de denúncia 153 ou no nosso WhatsApp que é o número 9 8631 7000. Se não for uma situação de flagrante e a violência tiver ocorrido dias atrás, a mulher pode procurar a Delegacia da Mulher para denunciar o agressor”.

A campanha Agosto Lilás nasceu em 2016 para comemorar os 10 anos da Lei Maria da Penha. Ela foi idealizada pela Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres (SPPM).

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.