Polícia Federal realiza segunda fase da Operação Falsos Heróis

Foto: PF/Divulgação

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (26) a segunda fase da Operação Falsos Heróis, que investiga uma organização criminosa voltada ao contrabando de cigarros e produtos falsificados no Rio Grande do Norte. Um policial civil foi preso e outro afastado da função, segundo a corporação.

Cerca de 70 policiais federais cumprem 16 mandados de busca e apreensão e 5 de prisão preventiva expedidos pela 8ª Vara da Justiça Federal em Apodi, Areia Branca, Grossos, Mossoró, Parnamirim, Natal e São Paulo.

A Justiça também determinou o sequestro judicial de 21 contas bancárias, além de medidas cautelares contra 11 investigados – entre elas o afastamento dos dois policiais civis.

Conforme restou apurado no inquérito policial, a organização criminosa investigada é suspeita de promover o transporte marítimo de produtos contrabandeados, vindos especialmente do Suriname, e que são internalizados de forma clandestina em pontos da costa potiguar através dos municípios de Areia Branca, Porto do Mangue e Macau/RN, na região do Polo Costa Branca, sendo depois distribuídos para outras unidades da
Federação.

As embarcações usadas pela organização teriam nomes de heróis de histórias em quadrinhos e do cinema, como Thor, Hulk e Capitão América – por isso o nome da operação Falsos Heróis.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.