O Papa chega a Roma: “Continuar na verdade, rumo à cura e reconciliação”

Imagem: Vatican News

A viagem apostólica de Francisco ao Canadá chegou ao fim. O avião pousou no Aeroporto Internacional Leonardo Da Vinci, em Roma, após cerca de seis horas de voo. Em um tuíte na conta Pontifex, escreveu: “Vim como peregrino para caminhar com e para os povos indígenas”

Após cerca de seis horas de voo, o Papa Francisco chegou a Roma de retorno do Canadá às 8h06min locais (3h06 de Brasília), concluindo assim sua 37ª viagem apostólica internacional. Ao eco das canções e aplausos de jovens e idosos Inuit, protagonistas da última encontro da viagem, o Pontífice deixou ontem a cidade de Iqaluit, capital do Estado de Nanavut, para ir ao aeroporto local e despedir-se do Canadá.

Suas saudações, suas esperanças para o futuro, sua gratidão por esta “peregrinação penitencial”, Francisco confiou a um tuíte publicado em sua conta @Pontifex em dez línguas: “Vim ao Canadá como peregrino para caminhar com e para os povos indígenas: para que a busca da verdade possa continuar, nos caminhos da cura e da reconciliação, e a esperança possa ser semeada para os povos indígenas e não-indígenas, que desejam viver fraternalmente”.

Tuíte para os povos indígenas

Novamente via tuíte, o Papa quis enviar uma mensagem pessoal a todos os povos indígenas que encontrou durante a viagem desta semana: “Queridos irmãos e irmãs dos povos indígenas – tuitou o Pontífice -, volto para casa carregando no coração um tesouro feito de pessoas e povos que me marcaram; de rostos, sorrisos e palavras; de histórias e lugares que sempre me acompanharão’. Obrigado a todos do fundo do meu coração!”

Fonte: Vatican News

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.